Dicas de Curitiba / Curitiba Tips



Clicar: Fotos de Curitiba





Mundi - Compare Preços de Passagens Aéreas e Hoteis

Pesquise Preços









Ao chegar no aeroporto , além do táxi, você tem a opção do ônibus , chamado de Aeroporto Executivo. Ele percorre várias ruas da cidade onde estão localizados os principais Hotéis.

Com ar condicionado, saídas do Aeroporto das 6:00hs às 00:30 hs e com intervalo de 20 minutos, exceto sábados, domingos e feriados (a cada 25 min.)

Preço: R$8,00/pessoa

Maiores detalhes e atualização do valor da passagem:

site: http://www.aeroportoexecutivo.com.br



Paradas - ônibus do Aeroporto






 Percurso - ônibus do Aeroporto





Uma dica bastante interessante é pegar o ônibus de turismo que a prefeitura oferece - custa R$25,00/pessoa, porém vale a pena.
Você pode fazer 4 embarques e/ou desembarques. O intervalo entre os ônibus são de aproximadamente 30 minutos.
O primeiro sai às  9:00hs e o último às17:30hs - ambos da Praça Tiradentes.
Eles operam de 3ª feira a domingo e não circulam 2ª feira, exceto nas férias escolares. 
O trajeto de 46Km é percorrido em torno de 2 horas e meia.





 Percurso e paradas do ônibus turístico








1) Praça Tiradentes

É o marco zero da cidade. Em 1889 ganhou o nome atual: Praça Tiradentes. Além de uma estátua do herói da Inconfidência, dois obeliscos chamam atenção no local. Uma demarca as distâncias, a outra demarca a presença dos portugueses. O piso de vidro permite observar o antigo calçamento da praça, descoberto durante a reforma realizada no local em 2008. A praça também abriga a Catedral Basílica Menor de Nossa Senhora da Luz, com mais de 100 anos.




2) Rua das Flores

Foi o primeiro calçadão para pedestres do país e um dos marcos da revolução cultural da cidade. 

Junto à Rua das Flores está a Avenida Luiz Xavier, a menor do mundo, e o Palácio Avenida, local onde são realizadas apresentações de Natal.



 Rua Visconde de Nácar

 Ponto entre a Praça Osório , onde acontecem  feiras temáticas, e a Praça Rui Barbosa, onde se localiza o Mercado Central.  É próxima a Rua Comendador Araújo, que tem várias opções de compras.



3) Museu Ferroviário

 Construído na antiga Estação, conta a história ferroviária do Estado. O prédio abriga também o Shopping Estação, o Teatro dos Bonecos, o Teatro Regina Vogue e um moderno centro de eventos, a Estação Convention Center.



4) Teatro Paiol

A construção original, de 1906, era um paiol e pólvora. 
Foi restaurado  e modificado, em 1971 passou a ser um teatro de arena, marcando o início da transformação cultural de Curitiba. 



5)  Jardim Botânico

Inspiradas nos jardins franceses, foi inaugurado em 1991. A estufa metálica abriga espécies botânicas que são referência nacional. Conta ainda com o Museu Botânico, que atrai pesquisadores do mundo todo.



6) Rodoferroviária/Mercado Municipal

A Rodoferroviária de Curitiba, inaugurada em 1972, representa um marco no país em terminais de transporte, graças à sua concepção moderna e funcional.

O Mercado Municipal é um local de compras com restaurantes e boxes que vendem iguarias de diversos países.  A praça de alimentação é compartilhada com o novo Mercado de Orgânicos, o primeiro do Brasil, que comercializa produtos alimentícios e derivados livres de agrotóxicos.



7) Teatro Guaíra e Universidade Federal do Paraná

Na Praça Santos Andrade localiza-se o Teatro Guaíra com 3 auditórios, sendo um deles com 2.173 lugares. Iniciado em 1952 e finalizado a sua construção na década de 70, ele é um dos maiores da América Latina.

à sua frente, do outro lado da Praça, encontra-se a Universidade do Paraná, fundada em 1912 e considerada um monumento arquitetônico em estilo neoclássico.



 8) Paço da Liberdade

Construído em 1916 e recentemente restaurado, abrigava a antiga sede da Prefeitura de Curitiba. Atualmente é um espaço cultural com café, livraria, biblioteca, auditório e salas para exposições e realizações de cursos. 



9) Memorial Árabe/Passeio Público

O Memorial Árabe, construído em homenagem a cultura do Oriente Médio, funciona como biblioteca especializada.
O Passeio Público, inaugurado em 1886, foi o primeiro parque e também o zoológico pioneiro de Curitiba. No início abrigava animais de grande porte, atualmente só existem animais pequenos.



10) Centro Cívico

Sede dos três Poderes do Estado do Paraná, foi implantado em 1953 no centenário da emancipação política do Estado do Paraná.



11) Museu Oscar Niemeyer

Projetado pelo Arquiteto Oscar Niemeyer , é um dos maiores museus da América Latina. Seu acervo abriga mais de 2.200 obras de artistas reconhecidos nacional e internacionalmente.



12) Bosque João Paulo II/Memorial Polonês

Foi inaugurado em 13/12/80, logo após a visita do Papa João Paulo II a Curitiba.

As  sete casas feitas de troncos encaixados são lembrança viva da fé e da luta dos imigrantes poloneses, contendo objetos  como a velha carroça, a pipa de azedar repolho e uma imagem da padroeira, que está na casa abençoada pelo Papa, que serviu de capela no dia da sua visita.

A migração polonesa em Curitiba começou em 1871.



Fotografias de paisagens / Fotos do mundo



13) Bosque Alemão

Inaugurado em 1996, o bosque foi construído em homenagem aos imigrantes alemães.

Entre os destaques :

A trilha de João e Maria – narra o conto dos irmãos Grimm

Oratório de Bach – réplica de uma antiga igreja de madeira construída em 1933 no bairro Seminário.

Praça da Poesia Germânica – com a reprodução da fachada da Casa de Mila (construção germânica do início do séc.XX, originalmente localizada no centro da cidade).

Torre dos Filósofos – mirante em madeira com vista panorâmica da cidade e da Serra do Mar.



14) Bosque Zaninelli/Universidade Livre do Meio Ambiente

A Universidade Livre do Meio Ambiente, em meio ao verde do Bosque Zaninelli, fez de Curitiba a primeira cidade do mundo a manter um espaço de estudos sobre o meio ambiente e a ecologia, criada para estudar o desenvolvimento com preservação ambiental.

Foi inaugurada em 1992, com a presença do Oceanógrafo Jacques Cousteau.



15) Parque São Lourenço

Em meio ao verde, uma antiga fábrica de cola e adubo foi transformada no Centro de Criatividade de Curitiba, onde acontecem cursos, oficinas e exposições, além de apresentações no Teatro Cleon Jacques.  O Parque São Lourenço também possui uma pista de corrida e um lago cercado por mata nativa.



16) Ópera de Arame/Pedreira Paulo Leminski

Com estrutura tubular e teto transparente, a Ópera de Arame é um dos símbolos de Curitiba.

Inaugurada em 1992, acolhe todo o tipo de espetáculo, do popular ao clássico, e tem capacidade para 1.572 espectadores.  Ao seu lado, a Pedreira Paulo Leminski é palco de grandes acontecimentos artísticos e culturais. Desde 1989 é cenário para a encenação da Paixão de Cristo. A Pedreira pode abrigar, ao ar livre, 20.000 pessoas.



17) Parque Tanguá

Inaugurado em 1996, faz parte do projeto de preservação do curso do Rio Barigui, juntamente com os parques Tingui e Barigui.

Destacam-se no parque duas pedreiras, unidas por um túnel de 45 metros de extensão, que pode ser atravessado a pé por uma passarela sobre a água. Possui ainda pista de Cooper, ciclovia, mirante, lanchonete e o Jardim Lazzarotto.



18 e 19) Parque Tingui/Memorial  Ucraniano

O Parque Tingui, criado em 1994, é homenagem aos primeiros ocupantes  de Curitiba, os índios da nação Guarani.

O Memorial Ucraniano, dentro do Parque Tingui, é uma réplica da Igreja de São Miguel, localizada em Mallet, no interior do Estado. Sua construção segue as normas da religião ortodoxa: cúpula oitavada revestida de cobre, altar voltado para o leste e telhado em pinho.



20) Portal Italiano

O Portal sinaliza a entrada do bairro de Santa Felicidade e reproduz as edificações típicas da imigração italiana do bairro. 



21) Santa Felicidade

Colônia formada em 1878 por imigrantes italianos. É o principal eixo gastronômico de Curitiba.  Das tradições italianas nasceram os restaurantes típicos, as vinícolas e as lojas de artesanato e móveis de vime.  A igreja centenária é uma marca da religiosidade dos colonos.

No bairro, merecem destaque por sua arquitetura a Casa dos Gerânios, a Casa dos Painéis, a Casa das Arcadas e a Casa Culpi.



22) Parque Barigui

Criado em 1972, é um dos maiores da cidade, sendo refúgio de diversos animais nativos e migratórios. É também o parque mais frequentado pelos curitibanos, que encontram ali diversas opções de lazer. Possui churrasqueiras, quiosques, pistas de bicicross e aeromodelismo, equipamentos para ginástica, estacionamento, restaurante, parque de diversões, Museu do Automóvel, Parque de Exposições e Centro de Convenções,  Casa da Leitura e Teatro da Maria Fumaça.



23) Torre Panorâmica

Foi inaugurada em 1991, é a única torre de telefonia do Brasil com mirante aberto a visitação.
Com 109,5 metros de altura, é um dos pontos turísticos mais visitados de Curitiba. O mirante oferece uma vista de 360° da cidade.
Na entrada da Torre está o Museu do Telefone.

Visitação:  terça-feira a domingo das 10:00hs às 19:00hs



24) Setor Histórico

Um passeio imperdível por locais que revelam o passado da antiga Vila Nossa Senhora da Luz e preservam a memória de Curitiba. Na rua com calçamento de pedras irregulares estão o velho bebedouro, o Relógio das Flores, o Memorial de Curitiba, o Palacete Wolf, a Sociedade Garibaldi, as Ruínas da Igreja de  São Francisco (nunca concluída) e o Museu Paranaense. É ponto de encontro dos curitibanos à noite, em seus diversos bares, e aos domingos pela manhã, quando acontece a tradicional feira de artesanato, com mais de mil artesãos, das 9:00hs às 14:00hs. 





                                                                        
                   


Se a sua viagem à Curitiba for de um dia, recomendo descer no Jardim Botânico, Ópera de Arame, Parque Tanguá e Museu Oscar Niemeyer.

Repleta de cartões-postais como o Jardim Botânico e o Teatro Ópera de Arame, além de parques e bosques, a capital paranaense é ponto de partida para duas belas viagens: a de trem pela Serra do Mar e a de carro pela Estrada da Graciosa. Ambas levam a Morretes onde a pedida é degustar o barreado, prato típico da região à base de carnes cozidas e farinha de mandioca.

 

O passeio de trem para Morretes é lindo, são 3 horas cortando a mata atlântica com belíssimas paisagens.

É a maneira mais bonita e interessante de chegar a Morretes é de trem. O passeio, que encanta turistas de todas as idades, tem 150 quilômetros de extensão, 30 pontes e 14 túneis cavados na serra coberta de mata Atlântica. A viagem pode ser feita diariamente de trem ou, nos finais de semana, de litorina - a passagem é mais cara, mas os vagões oferecem janelas maiores, ar-condicionado e serviço de bordo.

DICA IMPORTANTE: a venda das poltronas são numeradas para o trecho Curitiba/Morretes,compre as do lado esquerdo do trem, a vista é deslumbrante. 

A ferrovia, considerada a mais bela do país, foi inaugurada em 1885 e continua até Paranaguá.

 

Particularmente fui de trem e voltei de ônibus pela estrada que é lindíssima.

Mais detalhes sobre preços, dias e horários do passeio para Morretes e continuação até Paranaguá, visite o site da empresa  ferroviária: http://serraverdeexpress.com.br 

 

Já em Curitiba a boa mesa está por toda parte, em especial no bairro de Santa Felicidade, famoso pelos restaurantes, que servem rodízio com o melhor da cozinha italiana.

 

O Jardim Botânico e o Teatro Ópera de Arame são os principais ícones de Curitiba.  No primeiro, uma bela construção em metal e vidro abriga 50 espécies de mata Atlântica. A moldura não poderia ser mais perfeita: jardins geométricos, esculturas e trilhas. Já o teatro abriga dois espaços: a pedreira Paulo Leminski, ao ar livre e com capacidade para mais de 30 mil pessoas; e a Ópera de Arame, erguida sobre um lago, com estrutura metálica, paredes transparentes, camarotes e poltronas, abrigando 1.600 pessoas. A visita vale a pena, mesmo que não haja espetáculos em cartaz. 

Conhecer o centro histórico é bem interessante, vá durante o dia para tirar fotos e a noite onde os bares colocam as mesas pelas ruas e o chopp vai até mais tarde. Beba um chopp no Bar do Alemão, bastante conhecido na cidade.

 

Recomendo conhecer a ilha do Mel que fica apenas 115Km de Curitiba, é um passeio imperdível que você pode ir de manhã bem cedo e voltar no final da tarde.

Outra boa dica é ir também a Joinville ( Santa Catarina) – é uma cidade belíssima ao estilo Europeu que fica apenas 132Km de Curitiba.

 

Recomendo também conhecer o Shopping Estação.

É uma Estação ferroviária desativada que foi restaurada para servir ao shopping. Ela é lindíssima, você irá encontrar um trem em exposição, vale a pena conhecer.

O melhor sorvete de Curitiba é o D`Vicz, localizado no Shopping Estação. Ele é elaborado a partir de uma receita italiana.
 A taça de morango split é o destaque da sorveteria, não deixe de experimentar!!!

site: http://www.dviczsorvetes.com.br




 Morango split








 
 
free counters



   
   
 
  Site Map